Atletas Olímpicos Veganos que Provam o Poder da Dieta Vegana

Quem quer que tenha inventado que a dieta vegana não pode manter um corpo saudável e forte claramente esqueceu de assistir às Olimpíadas. Os atletas olímpicos veganos, além de promover um estilo de vida mais consciente e responsável, provam que, com uma dieta vegana, é totalmente possível ir além de simplesmente consumir proteínas o bastante para ter uma dieta saudável. Aqui vai uma lista de oito atletas olímpicos veganos que falaram publicamente sobre as suas dietas veganasHere is a list of a eight high-level vegan olympians who went public about their vegan diets:

1-Marta Vieira da Silva

Sim, a Marta é vegana! Depois de mostrar para o Brasil que o futebol não é só para homens, a Marta hoje em dia é reconhecida como uma das melhores jogadoras de futebol no mundo. Ela atualmente joga no time Orlando Pride, nos Estados Unidos. A Marta foi vegana por mais ou menos um ano antes de falar publicamente a respeito no seu canal do YouTube, onde ela compartilha até algumas dicas de receitas veganas.  

vegan olympians: marta da silva

2 – Meagan Duhamel

Duhamel é uma bicampeã de patinação no gelo que virou uma atleta vegana em 2008. A Canadense, que já levou medalha de prata nas Olimpíadas, parou de consumir produtos de origem animal como uma forma de se preparar para os Jogos Olímpicos, mas acabou virando vegana em tempo integral e até se engajou em ativismo pelos animais. O seu prato sem crueldade favorito é nachos, mas quando treina ela prefere lanches com bastante proteína e energia, como barrinhas de proteína e sementes.

vegan olympians: meagan duhamel

3-Venus e Serena Williams

A dupla icônica de irmãs já se tornou emblemática do tênis já faz um bom tempo. A atleta olímpica vegana, Venus Williams, fez a transição para um dieta sem produtos de origem animal após ser diagnosticada com Síndrome de Sjörgen em 2011. A sua irmã, Serena, se tornou vegana só mais tarde, em 2017. Para o treinamento, as irmãs priorizam alimentos como lentilha, arroz e batatas. Se você também não se cansa das irmãs Williams, não perca o filme sobre a vida delas, King Richard, estrelando Will Smith como o pai das atletas lendárias.

4-Carl Lewis

Carl Lewis é um dos atletas mais famosos e celebrados do mundo e já ganhou nove medalhas de ouro. Vegano desde os anos 1990, Lewis já falou sobre a importância de uma dieta livre de produtos de origem animal para o seu sucesso como atleta.

carl lewis

5-Micky Papa

A Olímpiadas de Tokyo finalmente introduziram o skate como esporte oficial, e isso virou os holofotes sobre um novo grupo de atletas. Entre eles está Micky Papa, um skatista profissional que fez uma transição gradual para o veganismo dois anos atrás. O atleta olímpico recomenda uma dieta com bastante legumes e vegetais assados para incrementar as sessões de treino.

vegan olympians: micky papa

6-Alexey Voyevoda

Voyevoda já conquistou duas medalhes de ouro para a Rússia durante os Jogos de Sochi em 2014. No começo, a mudança no estilo de vida foi motivada pela sua saúde e performance como atleta profissional. Porém, a parte ética do veganismo e a luta pelos direitos dos animais se tornaram igualmente importantes para ele.

vegan olympians: alexey voyevoda

7-Morgan Mitchell

Essa atleta australiana prova que uma dieta vegana com certeza não deixa ninguém mais fraco. Munida de refeições repletas de proteína, incluindo alguns substitutos de carne como o frango vegano, Morgan Mitchell consegue dar conta de qualquer treino e qualquer prova.

vegan olympians: morgan mitchell

8-Kendrick Farris

O Bodybuilding é frequentemente associado com comer quantidades absurdas de carne para que os músculos possam crescer. Porém, esse atleta vegano quebrou paradigmas acerca do bodybuilding e se tornou vegano em 2014. De acordo com Farris, uma dieta vegana não ajuda apenas com ficar em boa forma, mas é também importante para o processo de recuperação.

kendrick farris

Não perca nada sobre a Veggly

E aí está!

E fique em dia com todos os nossos anúncios, mais notícias, posts de blog e parcerias futuras. Por favor, nos siga nas nossas redes sociais:

Instagram

Facebook

Twitter

LinkedIn

Deixe uma resposta